E É ISSO QUE CONTA!

O Diário de Notícias dedica, hoje, duas páginas à «rentrée» dos partidos.
Na abertura da peça, resume as futuras actividades partidárias dos outros partidos, faz ponto final e fecha deste modo: «E o PCP mantém a Festa do Avante!» - assim como quem insinua que a realização da Festa não era coisa certa, mas que o PCP, afinal, acabou por se decidir mantê-la...

Dessas duas páginas, mais de uma é utilizada na abordagem do silêncio e do fim do silêncio de Manuela Ferreira Leite - e dos que, tendo sido convidados, aceitaram ou não participar na cerimónia que vai pôr termo ao dito silêncio e que, tudo indica, será a grande notícia do próximo domingo...
No espaço que sobra - menos de uma página - a maior notícia é, naturalmente, sobre um discurso de Louçã num comício no Porto; logo seguida de um comício do PS no Funchal - onde Santos Silva foi prometer a visita do Sócrates à Madeira lá mais para a altura das eleições de 2009; segue-se, depois, uma notícia pequena, informando que «Paulo Portas volta aos comícios»; e, finalmente, a mais pequena de todas as notícias: esta naturalmente, sobre o PCP.
Nada disto surpreende mas, mesmo assim, aqui se regista a sem-surpresa, quanto mais não seja para nunca esquecermos que é isto que acontece todos os dias em todos os jornais portugueses.

Sobre a «rentrée» do PCP, o DN - referindo de passagem que Jerónimo de Sousa, no discurso de encerramento da Festa do Avante!, «vai apertar o cerco comunista ao novo Código do Trabalho» - tranquiliza os seus leitores deste jeito:
«Este ano os três dias de festa no recinto da Quinta da Atalaia não vão ser ensombrados pela presença das FARC. Pelo menos o PCP assim o prometeu aos jornalistas»...

Ou seja: como quem não quer a coisa, mas querendo - lá ficou a primeira ideia que a jornalista queria que ficasse: nos anos anteriores, a Festa foi «ensombrada» pela tal presença das FARC;
e querendo, mas fingindo que não queria, lá ficou, igualmente, a segunda ideia: o PCP prometeu, mas irá cumprir?...
Vejam bem como em meia dúzia de palavras se pode dizer tanto!...

A autora do texto sabe que, escrevendo o que escreveu, está a desinformar.
Mas, de facto, desinformar é a sua tarefa - que ela, aliás, cumpre exemplarmente sempre que escreve sobre o PCP.

Entretanto, no sábado passado, mais de mil construtores da Festa participaram na jornada de trabalho militante na Atalaia, num intervalo da qual ouviram e aplaudiram o discurso ali proferido por Jerónimo de Sousa - também ele participante da jornada de trabalho.
E por muito que custe - e custa - aos que, seguindo por mil escusos caminhos, tudo fazem para acabar com ela, a Festa lá estará, no próximo fim-de-semana, maior e mais bonita do que nunca.
E é isso que conta!

12 comentários:

Maria disse...

Vai lá estar no próximo fim-de-semana e vai lá estar todos os anos, quer queiram quer não. Porque nós somos assim! Porque a Festa é nossa! E esta Festa vai ser muito bonito, mas a do ano que vem sê-lo-á ainda mais....
... e é isso que os enerva.
A mim, o que me enerva, é ouvir já há dois dias seguidos o discurso do louçã sempre com a mesma arenga. e repetem, e repetem, e repetem... porque será?

Um beijo grande

Antuã disse...

A mim quem me remeteu ao silêncio desde a manhã de 26 de Agosto foi a MEO. apesar de já ter telefonado para diversos serviços dezenas de vezes estou a escrever dum computador e dum servidor emprestados. não há pt ou MEO que me cale. viva a Festa do Avante e viva o nosso grande Partido.

poesianopopular disse...

Fernando Samuel
como estes papagaios devem ficar corroídos, ao sentirem, que o seu veneno e a sua maldade, só surte efeito nos fracos de espirito, e nos ignorantes que neles acreditam, que ainda existem alguns!
Estou a vê-los, a fazer reportagem na FESTA à procura do que possa estar menos bem, daqueles intervalos onde não estão pessoas para filmar, alguma criança com o dedo no nariz, enfim; são tão ridículos, só os respeito porque é a minha obrigação como cidadão, para esses prestadaores de serviços sujos,vai o meu sorriso de desdem!

Crixus disse...

As jornadas deste fim de semana foram espectaculares, um belo prenucio do que vai ser a festa. Já só faltam quatro dias...

Fernando Samuel disse...

maria: já faltam só (ainda...) quatro dias...
Um beijo grande.

antuã: viva e Festa e via o Partido!
Um abraço.

poesianopopular: as «reportagens» da Festa são um dos bons exemplos do que é esta comunicação social...
Um abraço.

crixus: no sábado foi qualquer coisa de belo, muito belo...
Abraço grande,

Sal disse...

...Ou eles pensam que nós somos novatos nisto???
Então um parti.. perdão, um PARTIDO, com letra grande, que sobreviveu a 48 anos de ditadura fascista não saberia agora sobreviver aos lacaios do capital?
Faz a Festa do Avante!, faz a Festa da Alegria, em Braga, e se nos chateiam muito, ainda fazemos uma Festa em cada capital de distrito!
bjs

Sal disse...

E nas regiões autónomas!

zambujal disse...

A desmontagem que fazes, Fernando Samuel, é... pedagógica. Excelente trabalho. Não nos podemos limitar a ter razão, temos de ganhar força - e ganhar outros para a luta - com a denúncia e a comprovação da não-razão dos inimigos (de classe!).
A batalha da informação, neste tempo, é crucial.
Grande abraço

Antonio Lains Galamba disse...

SAL: E a festa Alentejana, em BEJA.

beijos

julio disse...

o problema desses jornaleiros, é quer eles queiram ou não, a Festa realiza-se na mesma...
são uns invejosos!

Corine disse...

e com ela todos nós, faremos brilhar o seu valor e demonstrar a sua glória através da nossa presença.

Fernando Samuel disse...

sal: PARTIDO: dizes bem.
Um beijo.

zambujal: é uma das nossas mais importantes batalhas...
Abraço grande.

antonio lains galamba: essa, pois... e muitas outras em todo o país, menores mas não menos importantes.
Abraço grande.

julio: isso eles sabem tão bem como nós...
Um abraço.

corine: nós somos a FESTA, não é?
Um beijo.