POEMA

UTILIDADE


Só as mãos que se estendem para a frente interessam.
Só os olhos que vêem para além do que se vê,
só o que vai para o que vem depois,
só o sacrifício por uma realidade que ainda não existe,
só o amor por qualquer coisa que ainda não se vê e ainda, nem nunca, será nossa,

interessa.


Mário Dionísio

(«Com Todos os Homens nas Estradas do Mundo»)

7 comentários:

Anónimo disse...

Não ao encerramento do museu de artesanato em évora


http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=P2010N1721

Graciete Rietsch disse...

Poema lindo que nos fala da saudade do futuro para que vale a pena caminhar.

Um beijo.

MR disse...

A generosidade sem limites, por uma causa que...
«interessa».

Maria disse...

É esta força que nos faz mover, em frente, para o futuro...

Um beijo grande

samuel disse...

E ainda por cima, como diz o cantor, "essa coisa é que é linda!"

Abraço.

smvasconcelos disse...

E assim se resume tudo o que , de facto, interessa!
beijo,

Fernando Samuel disse...

Anónimo: de acordo.

Graciete Reitsch:... conquistando-o...
Um beijo.

MR. Exacto.
Um abraço.

Maria: é o que interessa...
Um beijo grande.

samuel: e sem isso, de nada valeria nada...
Um abraço.

smvasconcelos: o que interessa é lutar, lutar sempre.
Um beijo.