PERGUNTO

Lembram-se do «cheque-dentista»?
Foi uma das muitas generosas dádivas do primeiro-ministro José Sócrates aos portugueses.
Ele próprio a anunciou, ainda no seu primeiro governo, estrelejando foguetes como é seu hábito: «as crianças, as grávidas e os idosos com poucos recursos» iam passar a ter «acesso geral à saúde oral».
Bastava, para isso, recorrerem ao «cheque-dentista» que seria «passado a todos e segundo as suas necessidades».
Resolvido deste modo o problema da «saúde oral», Sócrates passou à dádiva seguinte, e à seguinte, e á seguinte - como é sabido, em matéria de dádivas, ele é incontinente...
E do «cheque-dentista» não mais se ouviu falar.

Até agora!
Com efeito, os dentistas, através da sua Ordem, fizeram saber que recusam todos os clientes que se lhes apresentem com o referido cheque. Isto porque, dizem, se trata de um cheque sem cobertura.
De tal forma que «o Estado já lhes deve quatro milhões de euros»...

De tudo isto retiro a conclusão de que afinal, o «cheque-dentista» também era mentira.

E pergunto: será que Sócrates só diz mentiras? - inclusive quando, há dias, a propósito já não sei de quê, dizia que «a verdade vem sempre ao de cima»?...

9 comentários:

poesianopopular disse...

É facto que não existem verdades absolutas, por tal facto as verdades sócráticas não conseguem submergir.
abraço

do Zambujal disse...

... e o cheque-bébé?
São tudo cheques sem cobertura!
A verdade VIRÁ sempre ao de cima por mais que sócrates (isto é um plural!) o procurem impedir.

Um abraço

smvasconcelos disse...

... mais outra fraude deste PM. A juntar a tantas outras "o nariz" de enganos e mentiras não pára de crescer. E enquanto os tentáculos do seu polvo estiverem operacionais, não há verdade que venha à tona. Nem no caso freeport, nem nas comunicações da ERC, enfim...

beijo

Graciete Rietsch disse...

Tanta mentira, tanta mentira e tanto sorriso triunfante com a saúde do País.
Como é possível continuar a indiferença?
Que revolta!!!!

Um beijo.

Pimpão disse...

Não perguntes porque a maioria do Zé Pagode, por enquanto, pensa "que quem não rouba nem fode é porque não pode".

Maria disse...

O homem mente tanto que nem se dá conta. Nem conhece a palavra verdade nem a palavra vergonha. Ou a falta dela...

Um beijo grande.

Antuã disse...

O desgraçado é mais aldrabão que todos os vendedores de banha de cobra juntos.

samuel disse...

Deve ser isto o célebre "cheque tecnológico"...

Abraço.

Fernando Samuel disse...

poesianopopular: então... afundam-se...
Um abraço.

do zambujal: com cheques destes só se compra a mentira...
Um abraço.

smvasconcelos: o nariz cresce, cresce, cresce: essa é a grande verdade...
Um beijo.

Graciete Rietsch: é preciso atrair à luta os que ainda cá não estão...
Um beijo.

Pimpão: mesmo assim, pergunto...
Um abraço.

Maria: quando a mentira é profissão...
Um beijo grande.

Antuã: antes fosse um vendedor da banha de cobra...
um abraço.

samuel: boa!
Um abraço.