HONDURAS: A LUTA CONTINUA!

A Venezuela é um daqueles países que está todos os dias nos jornais portugueses. Não para informar os leitores sobre o que ali se passa, mas precisamente com o objectivo contrário: desinformar, manipular, mistificar.
Basta um adversário de Hugo Chávez soltar um pio e é certo e sabido que tal pio, devidamente ampliado e ornamentado com efeitos especiais, tem honras de destaque nos média lusitanos.
Hoje, o Diário de Notícias grita-nos a pungente estória de um «autarca de Caracas há seis dias em greve da fome contra Chávez» - e lá está, em grande plano, a fotografia do autarca, deitado sobre um colchão, ao ar livre, numa rua (ou praça) da capital venezuelana.
Já não me recordo de quais são as razões do protesto, mas hão-de ter a ver, certamente, com qualquer «crime horroroso» cometido pelo Presidente Chávez, já que, como nos dizem todos os dias os média portugueses, Chávez é um tirano, um ditador, um facínora...

Na mesma página, muito discretamente como convém, o DN fala-nos das Honduras.
Para nos informar sobre o que lá se passa?
Não: para nos desinformar sobre o que lá se passa.
Com efeito, a finalizar um texto em que fala sobre personalidades e instâncias internacionais que condenam o golpe, o DN, em jeito de conclusão, escreve:
«Zelaya tem recolhido amplo apoio internacional. Por seu lado, Micheletti conta com apoio interno».
Assim se percebe por que é que o DN tem silenciado as gigantescas manifestações que, desde o golpe, o povo hondurenho tem vindo a realizar...
Assim se desinforma. Assim se manipula. Assim se mistifica.

Entretanto - informa hoje a TeleSur - a luta do povo das honduras continua: milhares de pessoas continuam a manifestar-se nas ruas, apoiando e exigindo o regresso do seu legítimo Presidente.
Mas esta é uma informação só possível vinda de órgãos de informação dignos - coisa que o DN e os seus pares portugueses não são;
que honram o dever e o direito de informar - coisa que o DN e os seus pares portugueses não sabem o que é;
que respeitam a inteligência e os direitos dos seus leitores - coisa que o DN e os seus pares portugueses desprezam;
que escrevem e divulgam a verdade - coisa que o DN e os seus pares portugueses abominam.

5 comentários:

samuel disse...

Excelente fotografis dos nosso órgãos de "informação"... se bem que não todos, felizmente!

Antuã disse...

Eles não sabem que a dignidade não lhes toca.

Maria disse...

O pior cego é mesmo o que não quer ver. Só assim se explica que o DN diga que o palhaço que se diz presidente "conta com apoiio interno". Contará, mas não é o do POVO!

Um beijo grande

GR disse...

Os midia desinformam, mas aqui a informação não falta.
Excelente trabalho, como sempre.

Bjs

GR

Ludo Rex disse...

Combateremos a desinformação e a omissão da verdade.
Abraço