Crise? Qual Crise?!? - II

"A EDP registou lucros na ordem dos 940 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano (...)"

E mais não digo.

11 comentários:

Nuno Góis disse...

Palavras para quê?

Toni disse...

As velhas glórias do GLORIOSO hão-de voltar para fintar esses burgueses da treta!

Ana Camarra disse...

Coitados!
Quando tiverem uma derrapagem são nacionalizados........

samuel disse...

Embora a frase não seja minha... Haja luz!!! :-)

Fernando Samuel disse...

E mais não é preciso dizeres.

Um abraço.

poesianopopular disse...

E o outro ainda queria aumentar mais o preço da electricidade!
O tal da ERSE que pedio a demissão e está em casa dois anos a receber 6oo euros por dia...Terroristas!!!!
Abraço companheiro

João Filipe Rodrigues disse...

Crise só uma, a crise do capitalismo e mais nenhuma.

Abraço

do zambujal disse...

Esta não é para "nacionalizar"! Esta é para privatizar... ainda mais!

Antuã disse...

Estes tipos são fiéis ao ditado popular que "quem não rouba nem herda não sai da merda".

Anónimo disse...

Pois não conhecia o ditado, mas gostei de aprender!
Realmente estes senhores do governo, nacionalizaram o Banco mas o resto das empresas do grupo ficaram!Isto fez-me lembrar uma cantiga muito em voga nos anos 70
"O Charlatão"
Na ruela de má fama
faz negócio um charlatão
Vende perfumes de lama
aneis de ouro a um tostão
enriquece o charlatão
......................
Na travessa dos defuntos
charlatões e charlatonas
discutemdos seus assuintos
repartem-se em quatrozonas
instalados em poltronas.
.........................

Lembras-te?
Abraços
Lagartinha de Alhos Vedros

Ludo Rex disse...

Só sofre a crise quem trabalha... O resto enche os bolsos, mais e mais...
Abraço