OLHA O GAJO!...

O ex-comunista Carlos Brito escreveu um livro de 365 páginas, no qual, segundo se diz, conta a sua intimidade com Álvaro Cunhal.
A ocorrência tem provocado animada efervescência no Diário de Notícias que, há cerca de duas semanas, dedicou uma-página-uma ao dito livro e, hoje, lhe devota mais duas-páginas-duas - num caso e no outro com destaques de primeira.
E é de prever que o prestimoso DN - sempre preocupado em divulgar notícias sobre o PCP, como sabemos... - não fique por aqui, tanto mais que, segundo informa, a apresentação pública da peça será perpetrada na próxima semana, em cerimónia abrilhantada por três outros ex-comunistas: Manuel Alegre, António Borges Coelho e José Manuel Mendes.

Ora se, como é sabido, não há como os ex-comunistas para dizerem sobre o PCP o que o DN pensa do PCP, é mais do que certo que podemos contar com luzida reportagem sobre a cerimónia de apresentação por parte deste «diário de referência», propriedade da Controlinvest - grupo que é também proprietário do JN, do 24 Horas, de O Jogo, do Global (gratuito), de várias revistas e jornais especializados, da TSF e da Sport TV...

Sobre o livro, o seu autor diz hoje no DN que muitos leitores, depois de o lerem, dirão: «O gajo bate no Cunhal» - e, respondendo desde já a esses muitos eventuais leitores, «o gajo» esclarece que não, senhor, não bate nada no Cunhal, apenas quer «acabar com as lendas» à volta de Cunhal...

Olha o gajo!...

13 comentários:

Nelson Ricardo disse...

Outro que confirma a tese de que ser anti-comunista em Portugal garante posto, e que lucrativo deve ser esse posto...

Um Abraço.

Maria disse...

Olha que rico quarteto de gajos...

Um beijo grande.

joão l.henrique disse...

«Dos fracos não reza a História».

Um abraço.

GR disse...

Devido este blog ser democrático, respeitavel, escrito e lido por gente de bem, recuso-me a colocar no que estou a pensar...sou do norte!

Sendo assim...
29 de Maio todos à Manifestação!

Bjs,

GR

poesianopopular disse...

Os espantalhos,não passam disso mesmo,mas, já não estão a espantar como antigamente!
A importãncia de um livro,depende de quem o escreveu!
Alguem poderá esquecer-se do que foi o funeral do camarada ÁLVARO CUNHAL?
Abraço
PS: (salvo seja)Não comentei o post anterior,porque senti vómitos.

Zé Canhão disse...

porque é que o cobarde não escreveu com Cunhal ainda vivo? agora não tem hipótise de contraditório? agora concluo que os cornos são directamente proporcionais à cobardia. É que eu conheço muito bem sangalhos!...

Graciete Rietsch disse...

Fiquei triste com este"post" não pelo que o Carlos Brito poderá dizer de Álvaro Cunhal cuja personalidade nem sequer de raspão é atingida pelas calúnias dos ex-comunistas oportunistas. Mas custa-me muito que António Borges Coelho, por quem eu tinha bastante consideração, colabore numa acção dessas. No entanto, apesar das desilusões, continuo ser uma fiel militamte porque a acção do Partido(onde incluo todos os militantes e todos os Organismos de Direcção) nunca me deu lugar a dúvidas e muito menos a apoiar falsificações.

Um beijo, camarada.

Anónimo disse...

Por que raio de carga d'água, "gajo" me está a rimar com "nojo"?

Rui Silva

samuel disse...

E eu a pensar (tão erradamente!) que ele se comportava muito mais discretamente do que os outros... ora abóbora!!! É igual!

Abraço.

filipe disse...

Tendo em conta o percurso do autor nos últimos anos e os preliminares que o próprio adianta, preparemo-nos - na verdade, já o estamos há muito! - para mais um chorrilho de mistificações e inverdades, típicas dos transfugas.
Paz à sua alma - ops, desculpem!...Paz à sua novel "obra".
Abraço.

Membro do Povo disse...

Enfim... agente lá vai lendo estas coisas. Mas falemos do presente: Free Port, aeroporto, TVI, escutas destruídas... vamos lá acabar com a lenda!

Fernando Samuel disse...

Nelson Ricardo: é como jogar no totoloto e ganhar: «é fácil, é barato e dá milhões»...
Um abraço.

Maria: um quarteto da corda...
Um beijo grande.

João l.henrique: é bem verdade.
Um abraço.

GR: TODOS À MANIFESTAÇÃO DE 29!
Um beijo.

poesianopopular: e quando o estava a escrever, pensei em ti...
Um abraço.

Zé Canhão: essa é talvez a questão mais importante: isto de uma pessoa contar, em discurso directo, conversas que diz ter tido com alguém que já morreu... é, no mínimo, muito desonesto.
Um abraço.

Graciete Rietsch: a questão, afinal, é a de sermos ou não sermos comunistas...
Um beijo.

Rui Silva: é a rima a puxar para a verdade...
Um abraço.

samuel: eles são gémeos...
Um abraço.

filipe: hoje é a Visão que lhe dedica três ou quatro das suas preciosas páginas...
Um abraço.

Membro do Povo: o Freeport segue no post seguinte...
Um abraço.

Anónimo disse...

Então o intimo do alvaro Cunhal deve mesmo vender livro!!!!
ainda hoje tinha tido conhecimento que em Alvito vai ser apresentado o livro "Alvaro Cunhal - Intimo e pessoal pelo jornalista Miguel Carvalho!
Dá sempre jeito falar do intimo do Alvaro Cunhal em vésperas de manifestações contra o governo!!!
Maria Cardo