Almoço 3º Aniversário - Aviso à Navegação!




Camaradas: Até amanhã ainda se podem inscrever para o almoço de comemoração do 3º aniversário do Blog. Para tal, devem enviar mail para antonio.galamba@gmail.com
Os camaradas que já o fizeram, devem dizer que prato escolhem para o almoço entre as duas opções disponíveis (Lulas ou escalopes - ambos grelhados).

Venham daí, Abraçar Abril!

6 comentários:

Maria disse...

Seguiu mail, António.

Um abraço.

joão l.henrique disse...

Na data referida não estarei na zona de Lisboa.
Que seja um grande Almoço Convívio, são os votos que aqui quero deixar.

Um abraço.

Anónimo disse...

Se todos andássemos a ganhar 800 euros do orçamento destinado a Aljustrel - Baixo Alentejo, justificados com pseudo - deslocações de Ourém para Aljustrel talvez pudéssemos comer escalopes ou lulas. Mas não podemos. É BOM QUE METAS O DEDO NA CONSCIÊNCIA ANTES DE FALARES EM POBRES E RICOS, EM TRABALHADORES E GREVISTAS, EM DISCRIMINAÇÕES NEGATIVAS PARA O BAIXO ALENTEJO E FALTA DE RECURSOS E DE OPORTUNIDADES PARA A REGIÃO. PORQUE SE ISSO É UMA VERDADE??? A TUA FALTA DE MORALIDADE AJUDA O PAÍS A DESPERDIÇAR MAIS RECURSOS QUE PODERIAM SER APLICADOS NOS MAIS POBRES E EM MAIS OPORTUNIDADES PARA O BAIXO ALENTEJO. NA PRÓXIMA QUE VIERES PARA ALJUSTREL COM A CONVERSA DOS POBRES PENSA DUAS VEZES E METE A TUA MÃO NA CONSCIÊNCIA!!!!

Anónimo disse...

E já agora, porque desapareceste de Aljustrel??? Não trabalhavas no museu??? Onde estava o teu contrato??? É que pelos vistos ninguém o viu...E moravas numa casa do município a título gratuito??? Sabes quantas pessoas sem qualquer rendimento procuram uma casa arrendada para poder morar em Aljustrel???

O TEU PASSADO POLÍTICO COMEÇA A TER UM LONGO HISTORIAL DE VICIOS QUE NÃO SÃO COMPATÍVEIS COM O SANTUÁRIO QUE O TEU PARTIDO APREGOA.

Antonio Lains Galamba disse...

embora a sua pessoa (??) não mereça (porque não reconheço pessoa em anónimos) os seus argumentos - porque podem levantar mal-entendidos - merecem uma resposta:

trabalhei no museu um ano contratado e colocado nesse sitio pela REDE PORTUGUESA DE MUSEUS, Ministério da Cultura, afim de fazer um estudo que aguarda publicação camarária ( está prevista no orçamento PS). No último ano, através de programa ocupacional, fiz investigação que está publicada na Revista Vipasca, no mesmo Museu.

para poder ser assegurada tal investigação procurei apoio camarário no que toca a habitação. ela foi-me concedida como até então sempre foi apanágio dos anteriores executivos - o de garantir alojamento a todos os investigadores a trabalhar no concelho (existem até protocolos com universidades nacionais e estrangeiras). Fique, já agora a saber, que a nivel financeiro muito perdi devido ao amor que tenho por Aljustrel e que não lhe admito que o ponha em causa.

relativamente aos 800 euros, deixe-me corrigi-lo - foram 851. Isto porque, como é de lei, os eleitos tem direito a subsídio de transporte entre o local de recenseamento (Ourém) e o de eleição (Aljustrel). Esse valor seria muitas vezes inferior se, logo na primeira deslocação tivessem cumprido a lei e ressarcido da despesa - como desde logo exigi. O valor acumulado e que refere com tanto empenho, é reflexo da teimosia e da ilegalidade prolongada.

cumprimentos. muito obrigado pela visita e volte sempre.

Antonio Lains Galamba disse...

relativamente ao desaparecimento: está enganado. e sabe que está. por isso tanto incómodo. a minha vida profissional e de investigação académica levou-me a outras paragens. mas aljustrel ficou como terra adoptiva a que sempre volto com muito gosto. estou até a terminar (MAIS UM) livro sobre a terra, reflexo da investigação (GRATUITA) que aí desenvolvo. este fim-de-semana vou estar por aí. bebemos um café? pode ser no CT do PCP, ou, por algum tipo de preconceito, tem medo das injecções atrás da orelha??

ahahah
cumprimentos