DIA 29!

Cavaco Silva passeou-se, ontem, pelo distrito do Porto.
E falou. À sua maneira: no seu jeito e no seu tom inconfundíveis: ostentando sabedorias inexistentes: professoral, enfático, pomposo: ridículo.
E sempre cobarde: sempre fugindo com o dito à seringa.

Dirigindo-se aos governantes - «àqueles que decidem em nome do povo» - apontou-lhes, severo, a «exigência da prestação de contas, do cumprimento das promessas feitas, da transparência e da verdade, que é fonte de confiança numa sociedade».

Quem isto diz, é o governante que, durante dez anos no cargo de primeiro-ministro, não prestou contas a ninguém (a não ser ao grande capital); não cumpriu as promessas feitas (a não ser as que fez ao grande capital); e fez da opacidade e da mentira poderosos instrumentos de governação (ao serviço dos interesses do grande capital) - ou seja: fez, enquanto primeiro-ministro, exactamente o mesmo que fizeram todos os primeiros-ministros que o antecederam e lhe sucederam - de Soares a Sócrates, passando por Sá Carneiro, Guterres, Barroso, etc.
Enfim, é o imoral a dar lições de moral aos colegas imorais.

As declarações de Cavaco Silva são bem o espelho da fraude que sustenta esta política de direita que desde há 34 anos tem vindo a flagelar o País, afundando-o na dramática situação actual.
Situação só superável com uma mudança de política.
Mudança de política que só será conquistada pela luta de massas.
Luta de massas que... dia 29 lá estaremos.

E no dia seguinte.
E nos dias seguintes.

6 comentários:

samuel disse...

É um belo traste! Sem dúvida... e com a certeza de não me enganar. :-)))

Abraço.

Antuã disse...

Ainda vai ser o Prémio Nobel da Bestialidade.

Graciete Rietsch disse...

Dia 29 espero um mar de gente em Lisboa. É imperioso e urgente.

joão l.henrique disse...

De Cavaco a Sócrates «diz o roto ao nu, porque não te vestes tu!»

Dia 29 lá estaremos e nos dias seguintes também.

Um abraço.

Maria disse...

É um homem coerente... defende o que fez enquanto foi pm... é isso, todos iguais.

De hoje a oito dias a esta hora espero estar rouca!

Um beijo grande.

poesianopopular disse...

O quê, o homem agora tambem é professor de hipócrisia?
Que ninguem falte dia 29, para dar-mos resposta que este professor merece!
Abraço