DO OUTRO LADO DA ESQUERDA, SEMPRE

O requerimento apresentado pelo PCP - contestando a decisão tomada pela Presidente da Assembleia da República de permitir que as alterações ao Código Trabalho fossem, primeiro, aprovadas na AR e só depois submetidas à discussão pública - foi rejeitado pela troika dos pais fundadores da política de direita: PSD, PS e CDS/PP.
Não surpreende que assim tenha sido: surpresa seria se esses três partidos - representantes que são dos interesses do grande capital explorador - votassem de acordo com os interesses dos explorados...
Regista-se a ocorrência apenas para... ficar registada...

Também não constitui surpresa o facto de cinco deputados do PS terem votado a favor do requerimento apresentado pelo PCP.
Isto porque, em tais circunstâncias, mostra a experiência que há sempre uns quantos deputados de PS que ficam de serviço à imagem de «esquerda» daquele partido - uma imagem que é tanto mais perniciosa para a esquerda quanto mais falsa é, porque permite ao PS fazer, ou apoiar, a política de direita em nome da «esquerda» (e do «socialismo») e, assim, denegrir a esquerda (e o socialismo).

E, a meu ver, não há cura de Esquerda possível para o mal de direita de que padece o PS: ele estará sempre, sempre, sempre do outro lado da esquerda: do lado da contra-revolução de Abril, do lado da política de direita, do lado da troika ocupante - do lado oposto aos interesses dos trabalhadores, do povo e do País.

É assim desde Mário Soares, o pai fundador do embuste.
E assim será, no futuro imediato: num questionário apresentado a Francisco Assis e a António José Seguro, entre as várias perguntas que lhes foram feitas constava a de saber qual o político que cada um deles mais admira.
Ambos responderam: Mário Soares...
E essa foi, muito provavelmente, a mais sincera de todas as respostas que deram...

18 comentários:

samuel disse...

É o molde...
Por muito tortas que saiam as réplicas... a matriz está lá.

Abraço.

do zambujal disse...

de esquerda? nem canhotos!...

Grande abraço

Justine disse...

Não há remédio mesmo. E irão morrer dessa doença...

joão l.henrique disse...

Que jeito que dá à direita ter na política portuguesa, um PS assim...


Um abraço.

Pata Negra disse...

Fico mais descansado, à direita nada de novo, o PS continua a ser de Mário Soares!
Um abraço in-seguro (in só pra não haver confusões)

Anónimo disse...

O PS, pelos seus jogos duplos, de fingimento, de traições à classe trabalhadora, terá o fim que merece.

A história não absolverá Mário Soares, pai do "colossal embuste".

Graciete Rietsch disse...

Ser do PS dá muito jeito, até porque se apresentam sempre com um cariz de esquerda. Basta lá estar "o pai da democracia". Muito imaginativa é essa gente do PS!!!!

Um beijo.

Antuã disse...

As excepções só confirmam a regra.

Eduardo Miguel Pereira disse...

Mário Soares, esse grande "socialista" que foi descrito (em relatório elaborado nos tempos do PREC) pelo então embaixador Americano em Portugal, Frank Carlucci (que se tornou depois em vice-director da CIA) como um Liberal astuto.
Isso define bem o "esquerdismo" dessa gelatinosa e paternal personagem do criador do PS.

Anónimo disse...

Se a história não absolverá e repugnante e charlatão Mário Soares, também não absolverá o renegado Cunhal que foi o seu salvador nas urnas da democracia ao serviço da capital antes de ser o cadáver no forno crematório cujas cinzas ficarão no caixote do lixo da história como merece. Esquece esse miserável que os generosos e valentes combatentes ao serviço dos trabalhadores ficarão na história com o seu nome gravado em letras de ouro e platina. Soares não passa de um caco de barro partido onde um cão com total desdé mijará para aliviar os rins e a bexiga e Carvalho da Silva não passa de uma cadela a latir que um cão a cubra.

Anónimo disse...

Sormomenho, tu e a tua «Chispa!» não pertencem a este mundo.
Aquilo que escreves sobre Álvaro Cunhal, é parte de um ódio que não faz parte da vida.
Em ti, esse ódio é como um veneno que te enlouquece e adoece a alma, já em si gasta de tanto disparate e repetição junta.

Chalana disse...

Chispa anónima:

Assim traidores, traidores... estou a ver aquele gajo que delatou os companheiros na pide. Um tal de xico martins rodrigues... tás a ver quem é?

samuel disse...

Eh... pessoal... não sejam duros com o pobre do anónimo das 15:10.
Isto faz parte do programa de tratamento do coitado do homem: deixam-no vir ao pátio do hospício... ele solta estas "besteiradas" dementes... e depois volta pra dentro e toma os comprimidos.

Medronheiro disse...

O Partido dos Sacanas será sempre dos sacanas.

Fernando Samuel disse...

samuel: e à matriz não se foge...
Um abraço.

do zambujal: travestidos...
Abraço grande.

Justine: que a doença cumpra a sua tarefa rapidamente, é o meu desejo...
Um beijo.

joão l.henrique: o ps é o seguro de vida da direita.
Um abraço.

Pata Negra: à direita nada de novo, de facto...
UM abraço.

Anónimo: a História condená-lo-á...
Um abraço.

Graciete Rietsch: de uma imaginação repetitiva...
Um beijo.

Antuã: e a regra é sempre cumprida...
Um abraço.

Eduardo Miguel Pereira: de facto, o Carlucci é, para além de grande amigo do Soares, o seu mais conhecedor biógrafo...
Um abraço.

Medronheiro: um abraço.

Maria disse...

Já nascem formatados...

Um beijo grande.

Fernando Samuel disse...

Maria: e tão igualzinhos!...
Um beijo grande.

pedras contra canhões disse...

uma justa reflexão que devia fazer tese...