NÃO PASSARÃO!

Não surpreende - mas exige registo - a forma como os jornais diários - todos! - maltrataram as comemorações populares do 25 de Abril, silenciando ou menorizando a sua dimensão e o seu significado.
Não surpreende, porque para os donos dos ditos jornais Abril é ainda hoje um pesadelo...
Exige registo... para ficar registado.

Também quanto ao espaço e à relevância dados às «comemorações oficiais», os ditos jornais cumpriram as ordens dos donos.
O destaque maior foi, naturalmente, para o discurso de Cavaco Silva - destaque merecido tendo em conta que se trata de pessoa pouco dada a Abril e que, enquanto primeiro-ministro, não se poupou a esforços para fechar a cadeado todas as portas que Abril abriu.
Destaque igualmente merecido foi o que os referidos jornais deram às «comemorações» protagonizadas pelos deputados dos partidos da política de direita, os quais - tendo como preocupação primeira erradicar da vida nacional tudo o que cheire a Cravos - aproveitaram o 25 de Abril para lançar o seu grito de guerra contra o que de Abril ainda resta na Constituição.

A este aparato «comemorativo», teremos que responder com a intensificação da luta, única forma de os vencer.
E venceremos.

Não passarão!

8 comentários:

Graciete Rietsch disse...

Não passarão! Não os deixaremos passar.

Beijos.

Por Justiça disse...

será que nao viu os telejornais a falar a toda a hora das comemoraçoes, e da descida da av. da liberdade em Lisboa? com jerónimo e louçã de mão dada?
será que nao viu na RTP à tarde os "marechais de serviço" a falar do 25 de abril?
será que voce nao viu na RTP à noite o programa das vozes de abril? e que falou inclusive das grandes e justas conquistas de direitos por parte da mulheres? será que nao viu a transmissao de todos os discursos da AR na TV?

por favor, já é doentia a vossa obsessão pela "política de direita" e dos "media dominantes"... (sempre com esses palavrões, sempre a mesma cassete).

Maria disse...

Estamos prontos para a Luta! Não passarão!

Um beijo grande, com um cravo de Maio!

samuel disse...

Alguns, por estes dias, perdem mesmo a pouca compostura do resto do ano...

Abraço.

Antuã disse...

Continuaremos a luta apesar dos burros continuarem a zurrar.

CRN disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nelson Ricardo disse...

Abril não passa de uma cerimónia de circunstância para jornalistas, economistas e burgueses que tais. Nunca saberão realmente apreciar Abril.

Fernando Samuel disse...

Graciete Rietsch: Venceremos!
Um beijo.

Maria: Abril vencerá1
Um beijo grande de Abril e Maio.

samuel: não suportam Abril.
Um abraço.

Antuã: então, a luta continua!
Um abraço.

Nelson Ricardo: a Abril eles só sabem odiar.
Um abraço.