POEMA

CANÇÃO DA FUNDAÇÃO
DO NATIONAL DEPOSIT BANK


Pois não é?: fundar um banco
é bom para preto e branco.
Se o dinheiro se não herda,
arranjai-o; senão - merda!
Boas são pra isso acções;
melhores que facas, canhões.
Só uma coisa é fatal -
capital inicial.
Mas, quando o dinheiro falta,
donde vem, se não se assalta?
Ai!, não nos vamos zangar!:
donde outros o vão tirar.
De algum lado ele viria
e a alguém se tiraria.


Brecht

6 comentários:

smvasconcelos disse...

A ironia de Brecht é exímia!
beijo,

samuel disse...

Mais uma vez se prova que o Brecht teve acesso aos nossos jornais... muito antes de nós. :-)))

Abraço.

Manuel Rodrigues disse...

Penso não estar errado (e se estiver, peço antecipadas desculpas) ter sido o próprio Brecht que um dia terá afirmado que pior do que assaltar um banco é fundar um banco... Ao que se poderá acrescentar: a não ser que fosse um banco público...

angelo melo disse...

Pois é, pois é...
Eles comem tudo e não nos deixam nada...
Ou seja roubam tudo, ficámos sem nada!

poesianopopular disse...

Esta é uma irónica realidade!
Abraço.

A Chispa ! disse...

Venham ver o novo Blog,que já há muito fazia falta.
Conheçam,analisem,façam e dêem a vossa opinião,divulguem e se quiserem podem participar,desde que as vossas opiniões contribuam, para a elevação da consciência e da luta proletária.
Saudações Comunistas
"achispavermelha.blogspot.com"