A TAREFA DO GOVERNO

Há quinze dias comentei aqui a notícia sobre aquela medida em tempos anunciada por Sócrates a bem do «acesso a saúde oral das crianças, das grávidas e dos idosos»: o «cheque-dentista» - que, afinal, não tinha cobertura e levou os dentistas a deixar de atender portadores do cheque careca enquanto o Governo não pagasse os 4 milhões de euros que lhes deve...

Agora, são os passes sociais: a Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Pesados de Passageiros (Antrop) informou que se o Governo não pagar os cerca de 15 milhões de euros em dívida para com as transportadoras, estas deixarão de vender passes sociais, com as consequências que isso terá para milhares e milhares de pessoas.

Amanhã o que será?
Sabe-se lá: com um Governo destes tudo é possível.
Entenda-se: tudo, excepto fazer qualquer coisa de útil para a maioria dos portugueses.
Excepção que se percebe se tivermos em conta que o tempo não chega para tudo, e que satisfazer plenamente os interesses dos grandes grupos económicos e financeiros é tarefa que rouba o tempo todo ao primeiro-ministro e ao seu Governo - e rouba tudo à maioria dos portugueses.

9 comentários:

Maria disse...

E não esperemos outra coisa deste governo senão mais disto e daquilo...
Conseguem ser piores que o calor que me atormenta.

Um beijo grande.

Graciete Rietsch disse...

O tempo e o dinheiro estão todos contadinhos para satisfazer os caprichos dos grandes senhores.

Um beijo.

samuel disse...

Lá vem a demagogia... eu sei... mas estamos a falar de cerca 20 milhões de euros, não é?
Que pedacinho do inútil submarino que acabou de entrar pelo Tejo adentro, chegava para pagar isso?

Abraço.

smvasconcelos disse...

Medidas populistas e eleitoralistas, que os mentirosos produzem tão bem!
Um beijo!

GR disse...

E ainda há gente que se acredita neste governo!!!

Bjs,

GR

Antuã disse...

Por quanto mais tempo teremos que aturar isto?

poesianopopular disse...

O problema maior,não é derrubar este governo, mas sim derrubar as falsas esperanças que o próximo possa vir a acalentar nos portugueses.
Raciocinando em termos de - uma coisa de cada vez!
Abraço

Fernando Samuel disse...

Maria: e se é difícil haver coisa pior do que este calor!...
Um beijo grande.

Graciete Rietsch: tudo está organizado ao sabor dos interesses dos grandes...
Um beijo.

samuel: bastava um pedacinho das «luvas»...
Um abraço.

smvasconcelos: é a especialidade deles...
Um beijo.

GR: a maioria ainda acredita... até quando?...
Um beijo.

Antuã: sabemos lá!...
Um abraço.

poesianopopular: esse é, de facto, um grande problema.
Um abraço.

Membro do Povo disse...

Com os serviços sociais do CESP\CGTP-IN tenho o dentista garantido, com a sua parceria com a Liber Inter (cooperativa dos seguros) os seguros automóvel e habitação não são problema... não preciso dos favorzihos do PS enquanto o estado foge às responsabilidade para com os cidadãos!