BASTONARICES

A história é simples e conta-se em meia dúzia de palavras: um grupo de advogados oficiosos está sem receber o pagamento dos seus honorários desde Abril; além de não receberem os honorários, os referidos advogados oficiosos têm sido forçados a adiantar do seu bolso o dinheiro para as despesas que os processos exigem; face a esta situação, e após várias tentativas goradas de receberem o que lhes é devido, resolveram pôr em tribunal quem lhes devia pagar mas não paga: o Estado.

A esta situação reagiu, irritado, o Bastonário da Ordem dos Advogados.
Disse Marinho Pinto: «é à Ordem dos Advogados que compete liderar esse processo».

Estava eu tentado a, pela primeira vez na minha vida, concordar com o Bastonário, eis senão quando o dito dispara uma rajada fulminante contra a iniciativa dos advogados, acusando-a de «servir objectivos de propaganda eleitoral».

Ora, com tal acusação, o que me parece que o Bastonário faz é condenar os advogados com salários em atraso e absolver o devedor dos salários...
Isto para além de, com o disparo, estar a desviar as atenções daquilo que, de facto, está em causa: o dinheiro que o Estado devia pagar mas não pagou...
Acresce que, como o Bastonário não fundamenta os supostos objectivos eleitoralistas, ficamos apenas a saber que o Bastonário acha que sim... - razão mais do que suficiente para eu achar que não...

Confesso que já não suporto estas bastonarices...

9 comentários:

smvasconcelos disse...

Eu também confesso que já não suporto este bastonário! São inúmeras as intervenções em que ele faria melhor estar calado, neste caso, nos casos do freeport e casa pia... O homem assume-se naturalmente como um lacaio partidário e um defensor socratino.
Arre!

Um beijo,

Graciete Rietsch disse...

Custa mesmo a aguentar!!!!

Um beijo.

trepadeira disse...

Se continua assim ainda chega a ministro.
Um abraço,
mário

samuel disse...

O verdadeiro bestiário da Ordem...

Abraço.

Antuã disse...

Este bastonário é um socretino.

Crixus disse...

É uma autentica besta. Entre as várias demonstrações disso, a que o prova melhor foi quando veio defender que a violência doméstica devia ser um crime privado...

Anjos disse...

Poder-se-ia esperar outra coisa?Está em sintonia com a onda vigente: "Quero...Posso...Mando!"

A paciência esgota-se e o nosso tempo escasseia...

Esta canalhice acabará quando os "cegos" forem capazes de ver e os "surdos" deixarem de o ser... Mas só com uma fórmula milagrosa!

José Rodrigues disse...

Desde que li num jornal (JN) o Mariola Pinto dizer que antes do 25 de Abril "ainda andou pela UEC,mas só falavam de organização e disciplina" e ele queria discutir outras coisas(?)cheirou-me logo a "revolucionário tipo gato bolorento"...à procura de protagoni$$$mo!

Abraço

GR disse...

José Rodrigues disse o que eu também ouvi.
Este homenzinho é um insuportável lacaio do governo.

Bjs,

GR