ASSIM SE FAZEM AS NOTÍCIAS

Assim se fazem as notícias:
esta diz, em título:
«Obama oferece solução negocial aos iranianos».

Lido isto, o leitor será levado a concluir desde logo que Obama, num gesto de boa vontade, «ofereceu» aos iranianos a «solução» para o diferendo (sobre o programa nuclear) que opõe EUA e Irão - e que essa «solução» passa por negociar, dialogar, procurar um acordo.
Prosseguindo a leitura, o leitor ficará a saber que «o Presidente dos EUA estendeu a mão às autoridades iranianas» - o que só confirma a conclusão anteriormente tirada...


Aqui chegado, de duas uma: ou o leitor não lê a notícia até ao fim e guarda na memória a imagem de Obama a estender a mão aos iranianos e a oferecer-lhes a solução...
ou a notícia até ao fim... e - se não for distraído, se estiver atento às armadilhas desinformativas dos média dominantes - perceberá então o verdadeiro significado das palavras utilizadas por Obama.
Ou seja: perceberá que, no linguajar do Império, «oferecer solução negocial» significa que o governo do Irão deve obedecer incondicionalmente às ordens do governo dos EUA.
E que «estender a mão» significa aquilo que o governo de Obama explica em meia dúzia de palavras: «caso o Irão não respeite os seus deveres, sofrerá as consequências».


10 comentários:

joão l.henrique disse...

Tens toda a razão, foi sempre assim que EUA fizeram para justificar a guerra.

Um abraço.

Maria disse...

Têm todos a mesma cartilha: quem se mete com Obama (ou os EUA) LEVA!!!

Um beijo grande.

smvasconcelos disse...

Caramba, que lata! "Estendo-te a mão que é o mesmo que dizer tens de fazer o que eu amndo, senão sofres as consequências". É revoltante esta sobranceria americana, e está mais do que (re) provado que Obama é uma extensão do velho sistema autoritário e manipulador estadudinense.
Um beijo,

Nelson Ricardo disse...

Obama é feito da mesma massa que Bush e outros serventuários do Império, com o facto de ser mais odioso por conseguir enganar mais gente através de um suposto ar progressista.

Um Abraço.

Anjos disse...

Bem dito Nelson R.!
Já estamos a antever o que se está a preparar. Deve estar mortinho por ficar nas páginas negras da História.
Possivelmente precisam de experimentar uma nova arma e o Irão vem mesmo a calhar ( fica perto do Iraque e Afeganistão, que bem conhecem, e até são muçulmanos...).

samuel disse...

"Dialogar" é conceder mais um quarto de hora para as ordens serem cumpridas... senão...

Abraço.

filipe disse...

E assim se vê o carácter espúrio e manipulador da "Comunicação Social" a mando do império contemporâneo. Tantos séculos depois do romano ter desaparecido. É a tal espiral do movimento da História...
Um abraço!

Fernando Samuel disse...

joão l.henrique: está-lhes no sangue...
Um abraço.

Maria: onde é que eu já ouvi isso?...
Um beijo grande.

smvasconcelos: no essencial são todos iguais.
Um beijo.

Nelson Ricardo: é apenas mais hipócrita...
Um abraço.

Anjos: eles não brincam em serviço...
Um abraço.

samuel: e que o quarto de hora não chegue aos 15...
Um abraço.

filipe: eles difundem a «informação» que interessa ao grande capital seu dono...
Um abraço.

Graciete Rietsch disse...

Negociar , para os americanos, é impor.
E com estas "negociações" se vai enganando o Povo.

Um beijo.

Fernando Samuel disse...

Graciete Rietsch: até um dia...

Um beijo.