SEM COMENTÁRIOS

CITAÇÕES


José Sócrates, em 2005:
«Sou totalmente alheio ao empreendimento»

José Sócrates, em 23 de Janeiro de 2009, em Zamora:
«Eu bem posso falar, porque era ministro do Ambiente. Embora não tivesse participado no licenciamento, o Ministério do Ambiente fê-lo obedecendo a todas as normas e exigências ambientais. Disse-o em 2005 e digo-o agora».

Júlio Moreira, tio de José Sócrates, na TVI, ontem, e no Sol, hoje:
«Estou até a ser inconveniente para ele, não sei se sim se não. Estou-me nas tintas porque é a verdade. E esse Charles acordou uma reunião com o meu sobrinho, graças a mim, que lhe falei na véspera dos quatro milhões...»

José Sócrates, ontem:
«Houve, de facto, uma reunião alargada, no Ministério do Ambiente (...) Admito, embora não recorde esse facto, que também o meu tio, Júlio Monteiro, me tenha pedido para receber os promotores de modo a esclarecer a posição do Ministério do Ambiente sobre o projecto».


Sem comentários, aguardemos.
Fazendo votos para que se cumpra o «desejo» expresso por José Sócrates «de que a investigação em curso se conclua tão rapidamente quanto possível».

13 comentários:

samuel disse...

Dede que a "conclusão" não seja a gaveta...

Hilário disse...

Fernando,

Com estas luvitas e com este tiozinho, será que não estamos perto de umas eleições antecipadas?

Veremos.
Um Abraço

Antuã disse...

Tudo muito bem montado para se verificar o que Sócrates desejar incluindo eleições antecipadas desde que isso lhe convenha.

"Zé Malhado" disse...

MENTIROSOS!
É por isso que não acredito mais nos politicos.
Um abraço camarada!

Aristides disse...

Eis o cenário montado: a vitimização do nosso engenheiro, alvo de todas as calúnias, agora que se aproximam as eleições.
Logo vemos no que isto dá!
Abraço camarada

Anónimo disse...

Pois é, o nosso 1º é um talento na arte de representar, sobretudo dramas.
Tadinho do menino tão perseguido, pelos mal intencionados e incompetentes polícias, por isso foram postos fora, pelos jornalistas, por isso se mandam rever os textos.
Infelizmente tenho pouca esperança que se termine o processo alguma vez.
Assim se fazem fortunas em tempo de crise.

Um abraço amigos e ânimo para a luta.
Um abraço da Lagartinha de Alhos Vedros

salvoconduto disse...

Isto é que vai aqui uma açorda...

Maria disse...

Mas o homem pensa que anda a enganar quem?
No primeiro coimunicado, de 7 pontos, começa por dizer que "não tem memória" que o tio lhe tenha falado no assunto mas depois nos outros pontos lembra-se de tudo. Ou seja, fez apenas o "delete" do que lhe convinha.
Num país decente este homem já tinha posto o cargo de 1º min. à disposição.

Mas como tu dizes, aguardemos. Palpita-me que ainda muita água vai correr por debaixo desta ponte...

Um beijo grande

linhadovouga disse...

Infelizmente, já vimos como acaba a maioria destes casos. Mas, como não cruzamos os braços e acreditamos e lutamos por um mundo melhor, temos que ter esperança que cada novo caso se conclua com uma boa machadada, não só nos vigaristas em concreto, mas também no sistema que sustentam e que os sustenta.

alex campos disse...

O José Freeport, perdão José Sócrates,vai travar uma luta titânica para ver se consegue paasar ileso desta embrulhada toda, passar ainda por vítima e à custa da parolada que não respeita conseguir a maioria absoluta.
É urgente alertar as pessoas pra o perigo de uma maioria absoluta destes tipos, pois seria catastrófico para o país.

poesianopopular disse...

Eles sabem muito bem que, o tempo joga a seu favor, e quando o Presidente do conselho pede celeridade, sabe muito bem que o tempo joga a seu favor, só uma carta "rogatória" pode levar de seis meses a um ano, ou mais, para ser conseguida.
Nada acontece POR ACASO...é por isso que eles falam grosso.
abraço

Ana Camarra disse...

Fernando Samuel

O Zé sofre, entre outras coisas de lapsos de memória, o tio fugiu-lhe a boca para a verdade, acontece...
Parece o mesmo romance de um aeroporto construido no Oriente, pouco tempo antes daquele pedaço deixar de estar sobre a administração portuguesa, ou parece aquela fábula do sobrinho taxista que juntou uns milhões numa conta na Suiça...
O PS é mais produtivo que os irmãos Grimmm

beijos

Fernando Samuel disse...

samuel: E olha que é bem provável...
Um abraço.

Hilário: sabe-se lá!...
Um abraço.

Antuã: as habituais montagens que tão bons resultados têm trazido... à política de direita.
Um abraço.

Zé Malhado: no entanto, nem todos os políticos são assim...
Um abraço.

Aristides: estas representações, que já não deveriam enganar ninguém, normalmente enganam...
Um abraço.

Lagartinha de Alhos Vedros: é uma vítima, este menino, coitadinho...
um beijo amigo.

salvoconduto: açorda mole, com pão de plástico...
Um abraço.

Maria: trata-se de uma memória selectiva...
Um beijo grande.

linhadovouga: na verdade, é o sistema que importa mudar.
Um abraço.

alex campos: e o mais provável é que saia ileso...
Um abraço.

poesianopopular: de facto, nada acontece por acaso...
Um abraço.

Ana Camarra: isto é uma autêntica «batalha da produção»...
Um beijo.