Estaremos presentes!


(clica na imagem para aumentar)

14 comentários:

Ana Camarra disse...

Estivemos presentes!

Sílvia disse...

E eu queria estar presente...
Mas a distância tem este preço, a privação de momentos que nos são caros pelo significado ideológico ( e prático) que carregam.
:(
Como foi?
bjs,
Sílvia

alex campos disse...

E eu não fui um dos 85000, tive que ir trabalhar.
Mas lá estivemos.

Um abraço

Maria disse...

E lá nos encontrámos...

Três beijos

Manuel Reis disse...

São sempre belas as afirmações do povo unido e lúcido. Somos muitos, muitos mil, podemos dizer. E muitos mais serão.

Susete Evaristo disse...

Olá amigo
Durante a Manifestação, tive ocasião de abraçar a nossa amiga "Xica" que me ofereceu o teu livro.
Venho agradecer-te a dedicatória e dar-te aquele abraço.
Não resisti ao apelo de uma boa leitura e após a grandiosa Manifestação entrei num café e pensei dar uma vista de olhos.
Pois é quando dei por mim eram quase 8 da noite e o livro ia a pág. 73.
Como podes calcular muito do que tu contas passava-se um pouco por todo o Alentejo.
O teu livro é assim um documento que de viva voz ouviste e transmites para que as proximas tomem conhecimento do que é a força e resistencia de um povo amordaçodo.
Bem ajas

Susete Evaristo disse...

queria dizer "... próximas gerações tomem conhecimento..."

linhadovouga disse...

Lá estivemos. Foi arrebatador.

O livro já está nas mesas de cabeceira.

F. disse...

Assim se vê
a força do pc!

GR disse...

Foi uma grandiosa e bonita demonstração de Confiança, na Luta diária da CDU!

GR

Antuã disse...

E lá estivemos com muitos outros que não conseguiram ir fisicamente.

ComRevDe disse...

Não consegui ir. Mas o meu espírito acompanhou a vossa vontade revolucionária em Lisboa.

Pode ser que nos encontremos noutra luta de massas nacionais.
A nossa vontade revolucionária não irá esmorecer. E é isso que lhes assusta.

Mais uma vez, lamento a minha ausência na Grandiosa Marcha.

Fernando Samuel disse...

Foi lindo de ver - e de viver!

Um abraço.

João Filipe Rodrigues disse...

Provámos que somos muitos mil para avançar com confiança e afirmar que sim é possível!

Abraços