A LOJA DOS HORRORES

Assim vão as coisas:

1 - «Mais de 300 mil jovens portugueses (14% do total dos jovens entre os 15 e os 30 anos) não trabalham nem estudam, não têm qualquer actividade».

2 - «Mais de 300 mil pessoas passam fome em Portugal».

3 - «O Estado poupa 300 milhões com o corte salarial nas empresas públicas».


Com diferentes graus de responsabilidade, são 3 os actuais gerentes desta Loja dos 300: o sr. Sócrates, o sr. Coelho e o sr. Cavaco.
O primeiro é, e quer continuar a ser, o que é.
O segundo quer ser o que o primeiro é.
O terceiro, sendo o que é, já foi o que o primeiro é e o segundo quer ser - por isso, ao que se diz, sonha voos mais altos: quer ser TUDO.

É claro que, se um dia destes, o primeiro for corrido por má gestão, e o segundo o substituir no cargo, a Loja, em princípio, continuará a ser o que há 34 anos é.
Mas, se nem o primeiro nem o segundo derem conta do recado, então o terceiro - com a sua longa experiência, com o seu incomensurável saber, com os seus predestinados dotes - está em condições - ele o diz - de, sozinho, se assumir como o salvador da Loja.
Como se vê, está tudo previsto...

Mas previsões são previsões - e às vezes saem furadas...
E neste caso não há nada como a luta de massas para furar previsões e fechar, de vez, esta Loja dos Horrores.

10 comentários:

Graciete Rietsch disse...

Lá continuamos à espera do D. Sebastião!!!!
E a luta para fechar a Loja quando alcançará a adesão necessária para sair vitoriosa?
Mas continua!

Um beijo.

samuel disse...

Grande post!
É uma verdadeira loja dos três entos: odiento, bafiento, salazarento...

Abraço.

O Puma disse...

O diagnóstico está feito

Sérgio Ribeiro disse...

Boa!
Loja dos trezentos? Isto é, 1,5 €uros... já viste a que taxa estão os horrores?
Como sempre, o que há é que mobilizar as massas! Nem que seja um/uma a uma/um.

Abraço

joão l.henrique disse...

Queremos essa loja fechada para sempre e, no seu lugar um centro de oportunidades felizes para a maioria dos portugueses.

Um abraço.

Maria disse...

Fechar e julgar os 'donos' da loja. Um a um! Por tudo quanto fizeram. Mas isto só seria possível num país decente...

Um beijo grande.

José Rodrigues disse...

Fechava-se a loja e o "tio belmiro" contratava-os a 2,4 € à hora...criava três empregos!

Abraço

CRN disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eduardo Miguel Pereira disse...

Cheira-me mais a sex-shop que a loja dos 300.
O "primeiro" tem pinta de boneca insuflável ... buracos não lhe faltam.
O "segundo" anda feito exibicionista, cheio de latex's e botas de salto alto para ver se chama a si as atenções.
O 3º, é Madame Sado-Masoquista, habituada a molestar os "primeiros" e os "segundos" aos caprichos do seu chicote.

Fernando Samuel disse...

Graciete Rietsch: é uma luta longa, demorada, mas para vencer.
Um beijo.

samuel: bem visto.
Um abraço.

O Puma: agora é só «dar-lhes» a cura...
Um abraço.

Sérgio Ribeiro: é com a luta, e só com a luta, que se fecham estas lojas...
Um abraço.

joão l.henrique: eo alinho nessa perspectiva...
Um abraço.

Maria: havemos de lá chegar...
Um beijo grande.

José Rodrigues: grande solução!...
Um abraço.

Eduardo Miguel Pereira: aí está outra visão das coisas...
Um abraço.