ASSANGE PARA GUANTÁNAMO, JÁ!

Miguel Sousa Tavares (MST) prevê, no Expresso, que a divulgação dos documentos secretos feita pelo WikiLeaks terá consequências catastróficas...
Por isso, ele acha que Assange deveria estar preso não pelas razões que levaram à sua detenção, mas «por quebra de segredos militares que pode pôr em risco a vida de pessoas, e por aquilo que é, para todos os efeitos, um acto de guerra».
Ora, para tantos e tão graves crimes não é qualquer prisãozeca que serve...

Acresce que MST pensa (sim, ao contrário do que muitas vezes se pensa, MST, às vezes pensa...) que o objectivo de Assange «é claramente o de desarmar a única superpotência ocidental»: os EUA - que são, garante, «o garante militar da sobrevivência da civilização ocidental. Ou, dito mais simplesmente, o garante da liberdade e da paz relativa em que vivemos».
Ora, para um Assange com tão negro objectivo... há que pensar a sério, pensa MST, numa prisão a sério...

Acresce ainda e mais que, como MST bem nos avisa, «não sei se sabem que, no Ocidente onde vivemos, estamos em guerra não declarada contra o terrorismo da Al-Qaeda (...) E, se não sabem, passarão a sabê-lo no dia em que tiverem o azar de ver alguém querido morrer num atentado terrorista tornado mais difícil de evitar graças às revelações desse inventado herói chamado Julio Assange».
Ora aí está: Assange para Guantánamo, já!

(e se os EUA - «garante da sobrevivência da civilização ocidental, da liberdade e da paz» - precisarem de um ajudante-de-interrogador, tenho para mim como coisa certa que MST estará totalmente disponível para a tarefa - e que saberá aplicar, in loco e na prática, as musculadas teses que, in Expresso e em teoria, semanalmente dispara).

9 comentários:

Maria disse...

As tristezas da nossa 'praça'...

Um beijo grande.

samuel disse...

Basta que ponham o calhordas a fazer uma entrevista ao Assange. O tom de voz, a estupidez das perguntas e o bafo a álcool... serão tortura capaz de o fazer confessar o que quiserem...

Abraço.

CRN disse...

Outra coisa não seria de esperar deste tosco. Lembro uma entrevista, ao Álvaro Cunhal, na qual cada pergunta era uma provocação, respondida como quem passa manteiga numa bucha, explicando a um menino que o sol só aparece quando é dia.
É um mandado que utiliza a capitalização do valor da procedência, de outra forma, que vende a notoriedade (por melhores ou piores motivos) ganha, ou entregue, pelos ou, aos papás.

Antuã disse...

Remeto o meu comentário sobre este assunto para o poste anterior onde, por engano, comentei o uisquista militante.

svasconcelos disse...

Um boy do sistema, este MST. Já o sabia patético, além da sobejamente conhecida arrogância e vaidade de "linhagem", mas este comentário transborda a idiotice, é de tal modo reaccionário que estremece.
Então, para ele, a liberdade de expressão não está ameaçada? A manipulação de um império, implícito no sistema capitalista, sobre outras nações não é evidente? E vergonhosa?
Enfim...:(

Um beijo,

Graciete Rietsch disse...

Homenageiam-se os mlfeitores e perseguem-se os que dão a conhecer os seus actos infames.Como será possável conhecer a verdade?
A História nos elucidará?
Mas quando?

Um beijo.

Anónimo disse...

Um valentão. Com tanta ediotice nem para agente serve...
O gajo nem se enxerga.
Sentinela da Noite

Olaio disse...

Segundo consta por ai, o senhor faz parte de um recente movimeento de "jornalistas pelo silencio", pró roubo continuar, c`o homem não se está a dar mal.

Fernando Samuel disse...

Maria: vis tristezas...
Um beijo grande.

Antuã: está comentado - e bem.
Um abraço.

samuel: quando a CIA descobrir isso...
Um abraço.

CRN: também me lembro dessa entrevista e de como este MST mostrou o que é...
Um abraço.

smvasconcelos: ele é assim, o que é que se há-de fazer...
Um beijo.

Graciete Rietsch: quando conseguirmos impor a verdade...
Um beijo.

Sentinela da Noite: é desta cepa que se fazem os agentes..
Abraço.

Olaio: não deve estar a dar-se mal, não...
Um abraço.